Corinthians cai de produção nos minutos finais e sofre virada na estreia do Paulista Feminino Sub-20 | OneFootball

Corinthians cai de produção nos minutos finais e sofre virada na estreia do Paulista Feminino Sub-20

Logo: Meu Timão

Meu Timão

O Corinthians estreou no Paulista Feminino Sub-20 na tarde desta quarta-feira, mas não conseguiu um bom resultado. A equipe alvinegra jogou fora de casa e sem a Fiel, contra o São Paulo, e foi derrotada por 3 a 1.

Timão abriu o placar no primeiro tempo depois de sofrer certa pressão das donas da casa, mas logo viu o empate acontecer em pênalti. Depois de longos minutos com o placar igualado e algumas oportunidades perdidas pelo Timão, o São Paulo conseguiu dois gols nos minutos finais de jogo para confirmar a vitória.

Agenda alvinegra: o Timão volta a campo no próximo sábado, novamente às 15h. Desta vez, o Timão enfrenta o Independente de Limeira, jogando na Fazendinha.

As titulares!

A técnica Thaissan Passos escolheu mandar a campo um Corinthians com Ravena, Lívia, Bell, Duda Mineira, Dayse, Sabrina Amorim, Julia Brito, Áhlice Guedes, Manu Olivan, Miracatu e Carioca.

Meu Timão

O jogo

Primeiro tempo

Logo no primeiro minuto de jogo, Ravena precisou trabalhar. Flavia recebeu a bola pela esquerda, avançou e bateu alto exigindo boa defesa da goleira alvinegra, que colocou a bola em escanteio. A cobrança não levou perigo ao gol corinthiano e a zaga afastou.

A primeira chegada corinthiana foi fruto de uma troca de passes na esquerda entre Miracatu, Carioca e Dayse. O cruzamento da camisa 7, no entanto, foi afastado em escanteio. Na cobrança, o Timão abriu o placar. Manu Olivan levantou a bola na área e Sabrina Amorim apareceu livre para desviar para o fundo da rede e colocar 1 a 0 para o Corinthians com menos de dez minutos de jogo.

Pouco depois do gol alvinegro, no entanto, o Timão se complicou. Julia Brito perdeu a bola no campo de ataque e Flavia comandou o contra-ataque para o São Paulo. Bell correu com a adversária, mas não conseguiu interceptar o cruzamento rasteiro. Duda Mineira chegou na cobertura e tocou a bola com a mão, o que gerou pênalti para as donas da casa. Dudinha fez a cobrança alta, sem chances para Ravena, e deixou tudo igual.

O Corinthians tentou a resposta rápida em cobrança de falta de Bell, que mandou com força direto para o gol, mas a bola passou pela linha de fundo e saiu em tiro de meta. O São Paulo teve outra boa chance pouco depois, novamente pela esquerda, mas a finalização alta foi para fora.

Com cerca de 25 minutos, as donas da casa tiveram chances com Gi e Livia na entrada da área, mas em ambas as oportunidades Ravena fez a defesa sem dificuldades. Três minutos depois, Gi fez a jogada pela esquerda e acionou Analu na entrada da área. Ela bateu rasteiro e a goleira corinthiana fez nova defesa.

Perto dos 30 minutos, a técnica Thaissan Passos mexeu pela primeira vez na equipe. Sabrina deixou o campo e deu lugar para Lara Dantas fazer sua estreia com a camisa corinthiana. Pouco depois, a camisa 22 conseguiu sua primeira finalização, mas a goleira fez a defesa.

Já nos minutos finais, Lara recuperou a bola para o Corinthians no campo de defesa, avançou e conseguiu o lançamento para Carioca, na esquerda. A camisa 9 dominou e tentou a devolução já dentro da área, mas a defesa afastou o perigo. O São Paulo ainda teve uma boa oportunidade pelo alto, mas a bola saiu em tiro de meta. Assim, o primeiro tempo chegou ao fim empatado com um gol para cada lado.

Segundo tempo

O Corinthians voltou para a etapa final sem alterações. O São Paulo dominava as primeiras ações quando a bola voltou a rolar e o Timão teve sua primeira chegada aos cinco minutos. Em mais uma boa cobrança de escanteio, Julia Brito subiu sozinha e conseguiu o cabeceio, mas a goleira ficou com a bola.

Aos sete minutos, o São Paulo teve falta para cobrar de frente para o gol. O chute forte da Dudinha desviou na área e Ravena caiu para fazer a defesa e ficar com a bola. Pouco depois, o Timão respondeu em novo escanteio com Duda Mineira pelo alto. A zagueira corinthiana subiu sozinha e desviou de cabeça, mas mandou a bola por cima do gol.

Ao longo dos minutos seguintes, as equipes procuravam a posse de bola e trocavam passes em busca de espaço no ataque. Com pouco mais de 20 minutos, a técnica alvinegra fez mais duas substituições na equipe: Miracatu e Áhlice deram lugar para Gabi Medeiros e Johane.

Pouco depois, o Corinthians chegou perto do segundo gol. Carioca foi lançada em velocidade na direita e finalizou com força para o desvio da goleira Luana. A bola ainda bateu no travessão e saiu em escanteio. Na cobrança, a zaga adversária se atrapalhou e a bola sobrou para Duda Mineira, que chutou de primeira, mas por cima do gol.

Com 30 minutos, o São Paulo conseguiu a virada. O levantamento na área encontrou Dudinha livre, que bateu por cima na saída de Ravena para marcar o segundo gol das donas da casa. Logo depois, em cobrança de escanteio, a equipe tricolor ampliou. A bola foi desviada de cabeça e desviou na trave, tirando Ravena da jogada, A sobra foi de Regina, que mandou para o fundo da rede.

Dessa maneira, os cerca de dez minutos finais foram de poucas oportunidades. O Corinthians, que sentiu o segundo gol, pouco conseguiu criar, enquanto o São Paulo valorizava a posse. O Timão tentou a resposta em duas oportunidades, pelo meio com Lara e pela lateral com Gabi Medeiros, mas não teve sucesso.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo