Confira o Top-6️⃣ surpresas e decepções do Brasileirão-2023 | OneFootball

Icon: OneFootball

OneFootball

Felipe Sbardella·08 de dezembro de 2023

Confira o Top-6️⃣ surpresas e decepções do Brasileirão-2023

Imagem do artigo:Confira o Top-6️⃣ surpresas e decepções do Brasileirão-2023

O Brasileirão-2023, enfim, TERMINOU!

E a redação do OneFootball levantou algumas das principais surpresas e decepções da competição.


Vídeos OneFootball


Veja abaixo e comente se concorda com as escolhas!


Surpresas ☺️

Deyverson (Cuiabá)

Foram 12 gols e duas assistências para Deyvin, o atacante mais carismático do Brasil.

Entre polêmicas e haters, Deyverson foi comendo pelas beiradas.

E garantindo vitórias importantíssimas ao Cuiabá, que conseguiu terminar em 12º sem sustos.


Mastriani (América-MG)

O uruguaio do América de 30 anos não conseguiu evitar o rebaixamento do Coelho.

Mas seu nome será daqueles ventilados por toda a janela de transferências.

Marcou 11 gols no Brasileirão e deu trabalho a praticamente todos os adversários que enfrentou.

Imagem do artigo:Confira o Top-6️⃣ surpresas e decepções do Brasileirão-2023

Foto: Wagner Meier/Getty Images


Vegetti (Vasco)

O veterano argentino chegou ao Vasco sob poucos holofotes.

Assinou com o Cruz-maltino aos 34 anos e vindo do Belgrano, da Argentina, com a missão de ser o homem-gol.

Mesmo sem ser conhecido pelo torcedor brasileiro, ganhou seu espaço com gols, jogada aérea forte e MUITA disposição.

Terminou com dez gols, mas lembrando que jogou ‘apenas’ 21 partidas – média de 0,47 gol por jogo.

Imagem do artigo:Confira o Top-6️⃣ surpresas e decepções do Brasileirão-2023

Foto: Buda Mendes/Getty Images


Everton Galdino (Grêmio)

Se na primeira metade do ano estava com pouco espaço no Grêmio, Everton Galdino conseguiu conquistar a titularidade.

Graças a grandes atuações ao longo do Brasileirão.

Nas últimas oito rodadas, o jogador de 26 anos marcou três gols e deu uma assistência.

Contribuindo e muito para o vice-campeonato brasileiro do Tricolor gaúcho.


Cauly (Bahia)

Chegado do futebol búlgaro, Cauly, de 28 anos, não era muito conhecido do torcedor brasileiro.

Mas demonstrou, com GRANDES atuações, que é dos melhores meias do país.

Participou de 11 gols (quatro gols e sete assistências), ajudando a salvar o Bahia do rebaixamento.

Imagem do artigo:Confira o Top-6️⃣ surpresas e decepções do Brasileirão-2023

Foto: Ricardo Moreira/Getty Images


Botafogo do primeiro turno

Uma ‘licença poética’ para tratarmos do Botafogo.

A primeira metade do campeonato foi ESPETACULAR por parte do Glorioso.

Que fez a melhor campanha da HISTÓRIA do primeiro turno nos pontos corridos (2003 -).

Para quem estava vaiando o técnico Luís Castro a três dias da abertura do Brasileirão, pode tratar como surpresa o turno inicial do Botafogo.

Imagem do artigo:Confira o Top-6️⃣ surpresas e decepções do Brasileirão-2023

Foto: Wagner Meier/Getty Images


Decepções 😔

James Rodríguez (São Paulo)

Chegou com pompa de craque e status de titular.

Mas não encaixou no estilo de jogo de Dorival Júnior.

Participando apenas de três gols em 12 partidas.

Imagem do artigo:Confira o Top-6️⃣ surpresas e decepções do Brasileirão-2023

Foto: Wagner Meier/Getty Images


Gilberto (Cruzeiro)

Para um atacante, o que importa é bola na rede.

E Gilberto não conseguiu prover isso para o Cruzeiro.

Marcando apenas três gols em 20 jogos, e sendo afastado pelo clube mineiro.


Orellano (Vasco)

Segundo reforço mais caro da História do Vasco, Orellano não engrenou em 2023.

Foram 18 jogos no Brasileirão e apenas um gol e uma assistência.

Tudo bem que seu tento foi o que garantiu a vitória do Vasco diante do Cuiabá, na reta final.

Mas se machucou neste mesmo jogo e não atuou mais. Espera-se mais do argentino em 2024.

Imagem do artigo:Confira o Top-6️⃣ surpresas e decepções do Brasileirão-2023

Foto: Ricardo Moreira/Getty Images


Artur (Palmeiras)

Cinco gols e duas assistências até que não são números ruins para o mais novo campeão brasileiro do pedaço.

Mas Artur foi a principal contratação do Palmeiras para o ano.

E deixou a desejar no imaginário do torcedor.

Não à toa deverá ser negociado com o Zenit para a próxima temporada.


Gabi (Flamengo)

Pelo Flamengo, Gabi jamais havia passado um Brasileirão tendo marcado menos do que 11 gols (2022).

E, em 2023, foram somente cinco gols para o ídolo rubro-negro, que, pela primeira vez amargou banco por opção de treinadores.

O que será que poderia ser do Fla se o camisa 10 tivesse colocado a bola na rede com a frequência que a torcida esperava?

Imagem do artigo:Confira o Top-6️⃣ surpresas e decepções do Brasileirão-2023

Foto: Pedro H. Tesch/Getty Images


Botafogo do segundo turno

Se no primeiro turno o Botafogo entregou uma grande surpresa para os torcedores de futebol, não se pode dizer o mesmo do turno final.

Os 19 jogos da segunda metade da competição foram uma baita decepção para o botafoguense.

Terminou em 17º neste recorte, com apenas TRÊS vitórias e 30% de aproveitamento.

O que custou o título brasileiro ao Glorioso, que amplia seu jejum de 28 anos sem títulos da competição.

Imagem do artigo:Confira o Top-6️⃣ surpresas e decepções do Brasileirão-2023

Foto: Wagner Meier/Getty Images


E se você chegou até aqui, aproveite para comentar!

Quais as surpresas e decepções na sua opinião, usuário?


Foto de destaque: Pedro H. Tesch/Getty Images