Confiança, estudo do elenco e outros; entenda por que Fla ainda não contratou | OneFootball

Confiança, estudo do elenco e outros; entenda por que Fla ainda não contratou

Logo: Coluna do Fla

Coluna do Fla

De protagonista a observador, o Rubro-Negro define planejamento para executar as contratações

O Flamengo adotou cautela no mercado de transferência e até o momento não executou nenhuma contratação. A postura deste ano é bem diferente dos anos interiores, mas há algumas razões: confiança no elenco, estudo aprofundado das carências internas, além da desvalorização da moeda.

O plantel construído através de grandes contratações nos últimos três anos é visto, internamente, como um elenco à altura das expectativas. Além disso, é visto como suficiente para o início de trabalho do técnico Paulo Sousa.

Em meio a isso, o Flamengo se permite ter cautela para analisar o mercado. O clube estuda as carências do elenco para então definir as prioridades junto ao treinador e, por fim, analisam o investimento. No entanto, com a desvalorização do real, as negociações ganham um capítulo mais complicado.

Com tempo e mantendo a tranquilidade, Paulo Sousa utiliza da pré-temporada para conhecer cada vez mais os jogadores que vai comandar. O treinador e a sua comissão colhem informações diárias para ter uma visão mais nítida das deficiências do elenco. A ideia inicial é utilizar ainda mais a base rubro-negra, no entanto, a tendência é de que três reforços sejam contratados.

Diante deste cenário, o Flamengo se permitiu ‘olhar’ para o Ninho do Urubu. A confiança e valorização no elenco fez com que a renovação com Arrascaeta se tornasse prioridade para 2022. Não à toa, logo nas primeiras semanas de janeiro, o contrato até 2026 foi assinado. Agora, ainda olhando para dentro, o Mais Querido espera definir a permanência de Andreas Pereira.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo