Com apenas duas rodadas sobrando, luta contra rebaixamento na Série C impressiona | OneFootball

Com apenas duas rodadas sobrando, luta contra rebaixamento na Série C impressiona

Logo: Esporte News Mundo

Esporte News Mundo

Neste domingo (7), acontece o restante da 18ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro e, apesar de estar no final, o campeonato ainda tem muitas equipes na luta contra o rebaixamento. Ao todo, são três equipes com situação muito delicada, outros três com perigo muito grande e outros dois com potenciais de serem surpreendidos.

Situação muito delicada, alto risco de queda

As equipes de Brasil de Pelotas (14), Campinense (15) e Ferroviário (16) ocupam a última, penúltima e antepenúltima posição respectivamente. Com o primeiro a sair da zona de rebaixamento tem 19, a diferença de pontos deixa a situação de cada clube muito complicada. Portanto, na melhor das hipóteses, todos precisam vencer nas duas rodadas e torcer contra seus adversários.

O Brasil de Pelotas enfrenta o Confiança neste domingo (7), o Campinense visita o Floresta e o Ferroviário enfrenta o Volta Redonda. Na próxima rodada, o gaúcho enfrenta o Vitória, o paraibano tem confronto contra o Volta Redonda e o cearense pega o Ypiranga. Apesar disso, a chance de todos caírem é alta.

Situação perigosa, médio risco de queda

Neste cenário, contando que as três equipes anteriores deixam apenas uma última vaga para a Série D, são três times que tentam fugir da 17ª colocação. Atlético-CE (19), Confiança (20) e Floresta (21) poderão escapar com apenas uma vitória no campeonato, por conta de restar apenas uma posição. Porém, com duas vitórias, poderão escapar sem nenhum estresse.

Por outro lado, diferente dos demais, o Atlético-CE além de ter a menor pontuação dos três, já perdeu na rodada para o Botafogo-SP. Ou seja, só tem três pontos a disputar, contra o próprio Confiança. Este joga, também, contra o Brasil de Pelotas neste domingo (7), outro candidato a cair. Além disso, o Floresta tem confronto direto contra o Campinense, mas enfrentará o vice-líder Paysandu na última rodada.

Situação potencial, baixo risco de queda

Diferentemente das últimas seis equipes, as próximas possuem pouca chance de cair. Para isso, elas precisarão perder seus jogos e ver os adversários conquistando pontos. Portanto, Altos (21) e Manaus (22) também correm perigo, apesar da pontuação mais alta. Um dos exemplos é o Ferroviário, que pode vencer seus jogos e chegar em 22 pontos.

Além disso, tanto Altos quanto Manaus já atuaram na 18ª rodada e só conseguem somar mais três pontos. Caso percam para São José e Mirassol, respectivamente, podem contar com uma combinação de resultados e pelo menos um pode cair para a 17ª colocação. Mas, mesmo assim, é uma situação muito mais difícil de acontecer.

Saiba mais sobre o veículo