Com Ansu Fati e Vinicius Junior, finalistas para o título Golden Boy 2020 são divulgados

Logo: Mercado do Futebol

Mercado do Futebol

Imagem do artigo: Com Ansu Fati e Vinicius Junior, finalistas para o título Golden Boy 2020 são divulgados

O título Golden Boy foi criado em 2003 pelo jornal italiano Tuttosport. É dado ao melhor jogador com menos de 21 anos que atua no território europeu. O primeiro vencedor foi o holandês Rafael van der Vaart, que na época jogava pelo Ajax.

Nomes como Messi, Wayne Rooney, Mbappé e Pogba já foram vencedores do título. Dois brasileiros também colocaram seus nomes na lista dos Golden Boys, sendo eles Anderson, em 2008, quando jogava pelo Manchester United, e Alexandre Pato pelo Milan, em 2009. O último jovem a receber o prêmio foi o português João Félix, que na época atuava no Benfica, e agora é um dos comandados de Diego Simeone no Atlético de Madrid.

O clube que mais teve jovens talentos recebendo o título foi o Manchester United, que na atual relação de candidatos a receber o prêmio, tem Mason Greenwood como representante.

No dia 15 de julho a Tuttosport divulgou a lista dos 100 indicados, e desde então, a cada mês o número de jogadores vem diminuindo. E hoje (15), revelou os 20 finalistas. Entre eles está o norueguês Erling Haaland, que foi uma das peças principais do Borussia Dortmund na temporada 2019/20.

O Real Madrid e o Barcelona conseguiram colocar duas jovens promessas, cada, entre os finalistas. Os merengues têm como representantes dois brasileiros, Vinicius Junior e Rodrygo. Já os culés têm Ansu Fati – eleito o melhor jogador do mês na La Liga – e Sergiño Dest que acaba de chegar a Catalunha.

O campeão da Europa, Bayern de Munique, também é um dos clubes a ter entre seu elenco uma jovem promessa. E a dos bávaros carrega o nome de Alphonso Davies, o canadense foi um dos carrascos do time nas fases finais da Champions League.

Confira a lista dos 20 finalistas do prêmio Golden Boy:

  • Mitchel Bakker (PSG)
  • Eduardo Camavinga (Rennes)
  • Jonathan David (Lille)
  • Alphonso Davies (Bayern de Munique)
  • Sergiño Dest (Barcelona)
  • Fabio Silva (Wolverhampton)
  • Ansu Fati (Barcelona)
  • Phil Foden (Manchester City)
  • Ryan Gravenberch (Ajax)
  • Mason Greenwood (Manchester United)
  • Erling Haaland (Borussia Dortmund)
  • Callum Hudson-Odoi (Chelsea)
  • Dejan Kulusevski (Juventus)
  • Rodrygo (Real Madrid)
  • Bukayo Saka (Arsenal)
  • Jadon Sancho (Borussia Dortmund)
  • Dominik Szoboszlai (Salzburgo)
  • Sandro Tonali (AC Milan)
  • Ferran Torres (Manchester City)
  • Vinícius Junior (Real Madrid)

Foto de capa: Getty Images