Carrasco? Seleção Brasileira nunca derrotou a Noruega

Mercado do Futebol

Imagem do artigo: Carrasco? Seleção Brasileira nunca derrotou a Noruega

A maior Seleção da história, a Seleção Brasileira, parece não temer ninguém, porém, historicamente falando, não é bem assim. A “canarinho” tem um carrasco histórico: trata-se da Noruega.

A Seleção Norueguesa não participa de uma Copa do Mundo desde 1998, quando ficou no grupo do Brasil, se classificou em segundo lugar, mas caiu nas oitavas de finais para a Itália. Entretanto, também naquele ano, a Seleção Norueguesa derrotou a Seleção Brasileira. Em partida válida pela última rodada da fase de grupos, a seleção escandinava venceu a amarelinha, de virada, por 2 a 1.

No total, a Seleção Brasileira já enfrentou 92 adversários, porém, contra a maioria deles, sendo superior num histórico de confrontos. Esta citação não serve para a Noruega, que nunca foi derrotada pelo Brasil. Foram quatro partidas disputadas contra a seleção europeia, sendo duas derrotas canarinhas e dois empates.

Contudo, apesar disso, a derrota de 1997 doeu ainda mais para os brasileiros. A seleção que é a maior campeã de Copas do Mundo, se preparava para mais uma, e vinha de mais de três anos sem derrota – três anos, seis meses e treze dias, para ser mais exato -. No entanto, tinha a maior carrasco pelo caminho. A Noruega quebrou a invencibilidade de 46 jogos do Brasil, vencendo por 4 a 2. A Seleção Brasileira não perdia uma partida desde o dia 18 de junho de 1993, quando caiu diante da Dinamarca, 4 a 0.

Confira o retrospecto do confronto Brasil-Noruega:

Portanto, 1920 dias depois daquele confronto em 1993, a canarinho voltava a conhecer a derrota, no dia 30 de maio de 1997. Todavia, neste período de mais de três anos de invencibilidade, a Seleção venceu a Copa do Mundo (1994) e acumulou sete partidas de maneira invicta na competição, que seria quebrada no ano seguinte, pela própria Noruega.

Foto de capa: Getty Images.