Campeão do mundo com a Seleção, Müller revela no Resenha: “Aprendi a chutar com Sócrates” | OneFootball

Campeão do mundo com a Seleção, Müller revela no Resenha: “Aprendi a chutar com Sócrates”

Logo: Arquibancada Tricolor

Arquibancada Tricolor

O convidado do Resenha ESPN inédito desta semana é o atacante Müller. No programa, ex-jogador falou sobre as três Copas do Mundo disputadas com a Seleção Brasileira e revelou que um dos seus maiores mentores foi o ídolo do Corinthians Sócrates. A atração apresentada por André Plihal será destaque exclusivo da ESPN e do Star+ nesta sexta-feira, às 22h, com participações de Djalminha, Fábio Luciano e Silas.

Ganhador do prêmio Bola de Prata em 1997, Müller é um dos atacantes mais vencedores do futebol brasileiro. Integrante do São Paulo de Telê Santana, o ex-atleta é bicampeão Brasileiro, da Libertadores, do Mundial de Clubes e tetracampeão paulista com o tricolor, além de conquistar a Copa do Brasil com o Cruzeiro, títulos estaduais com Palmeiras e Corinthians e a Copa do Mundo de 1994 com a Seleção Brasileira.

No Resenha, Müller revelou que teve duas grandes influências em sua carreira que o impactaram na Seleção: “Imaginem só, o meu companheiro de quarto era o Leão. O cara fez quatro Copas do Mundo. Quer dizer, foi um puro aprendizado! O Sócrates me chamava todo dia de lado, colocava umas bolas no lado esquerdo, no meio e do lado direito do campo. E me ensinou a chapar com a direita, no lado esquerdo. E com a esquerda, no lado direito”.

Müller segue falando como foi ter essa atenção e os ensinamentos de um dos melhores atletas da história do futebol brasileiro: “Todo dia, antes dos treinos, eu ficava chutando bola com o Sócrates. Foi uma escola! A maioria dos meus gols, o que eu fazia? Eu chapava! Foi o que eu aprendi com o Sócrates lá no México”.

Tudo sobre o Tricolor!

Siga o Arquibancada Tricolor em suas redes sociais e acompanhe tudo sobre o São Paulo FC:

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo