Cadorini de volta, aprovação do Galhardo, questão financeira do Bruno Méndez e Aránguiz não tá descartado | OneFootball

Cadorini de volta, aprovação do Galhardo, questão financeira do Bruno Méndez e Aránguiz não tá descartado

Logo: JB Filho Repórter

JB Filho Repórter

Resumo da entrevista do vice Emílio Papaléo na Rádio Gaúcha:

  • Foi uma atuação excelente contra o Independiente, coisa que não acontecia há um tempo. Não que estava jogando mal. É que o time jogava bem um tempo só. Por vezes, jogava melhor no primeiro ou no segundo tempo. Dessa vez, foi um equilíbrio.
  • Essa atuação indica pro dirigente que o trabalho tá no rumo certo.
  • Edenilson teve uma atuação que resgatou o futebol que o levou na Seleção. Fez dois gols e poderia ter feito outros dois.
  • O episódio vivido pelo Edenilson acabou contaminando ele num bom sentido. Ele deu a volta por cima no ponto de vista mental e até físico porque estava correndo até o final da partida.
  • Carlos Pena cumpriu uma função tática importantíssima.
  • Wanderson era o ponta que a direção buscava desde o ano passado. É um ponta que incomoda o adversário.
  • Não descartou a contratação de um centroavante se tiver uma oportunidade, uma conveniência de negócio. Mas lembrou que o Wesley tá em má fase e tá sendo recuperado e que o Cadorini tá voltando a ficar à disposição. Sobre uma volta do Galhardo, disse que precisa ver se ele quer retornar, se a comissão técnica o quer de volta. Porém, isso não vai ser feito agora Depende da definição lá na Espanha.
  • O episódio com Edenilson não tem nada a ver com o Corinthians, que é um dos clubes que mais combatem o racismo. E isso não influencia em nada as negociações pelo Bruno Méndez. Hoje, a situação é puramente financeira. Não teve reunião aqui em Porto Alegre. Estão trabalhando para que a permanência dele se torne uma realidade.
  • Qualquer clube brasileiro gostaria de ter o Aránguiz. Não há nada de concreto ainda. Se for possível, se for financeiramente viável, não está descartado.
  • Está cogitando a sim a permanência do Vitão até o final do ano porque ele tá dando uma boa resposta e tudo indica que o conflito na Ucrânia não vai acabar por agora.
Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo