Auxiliar de Dorival reconhece atuação ruim do Flamengo: “Sofremos bastante” | OneFootball

Auxiliar de Dorival reconhece atuação ruim do Flamengo: “Sofremos bastante”

Logo: Coluna do Fla

Coluna do Fla

Rubro-Negro chegou a ser pressionado pelo clube colombiano, mas garantiu resultado positivo


O Flamengo ganhou por 1 a 0 do Tolima (COL), pela ida das oitavas de final da Libertadores da América. O Rubro-Negro, no entanto, sofreu bastante na partida, como alertou Lucas Silvestre, auxiliar técnico e filho de Dorival Junior, em entrevista pós-jogo.

Hoje a gente sofreu bastante, mas soubemos sofrer. Sabíamos da dificuldade que seria o jogo. Tanto o David Luís quanto o Léo Pereira fizeram uma partida acima da média, e o Filipe Luís também -, disse o técnico interino, que ainda prosseguiu:



A gente esperava que fosse haver dificuldade, é uma partida de Libertadores, não é qualquer jogo. Em alguns momentos, vamos sofrer. É importante saber sofrer e construir o resultado. Esse resultado foi muito importante. Vamos levar para o Maracanã uma vantagem contra um grande adversário -, concluiu.

Os números comprovam a superioridade do time colombiano no jogo, tendo em vista a maior posse de bola (53% x 47%), ter finalizado mais (16 x 8) e, ainda, superou o Flamengo nos chutes em direção ao gol (5 x 2). No segundo tempo, inclusive, o Tolima chegou a ficar 61% do tempo no domínio da partida, enquanto o Fla apenas 39%.

Agora, o Flamengo busca recuperar as energias para ter uma boa atuação no sábado (02), contra o Santos. A partida é válida pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro e será disputada na Vila Belmiro. A bola rola às 19h (horário de Brasília). O Mengão é o nono colocado, com 18 pontos, enquanto a equipe paulista está na sétima posição, com 19.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo