Atlético-MG precisará de casa lotada para atingir meta de bilheteria | OneFootball

Icon: Mercado do Futebol

Mercado do Futebol

·03 de outubro de 2022

Atlético-MG precisará de casa lotada para atingir meta de bilheteria

Imagem do artigo:Atlético-MG precisará de casa lotada para atingir meta de bilheteria

Com a vitória diante o Fluminense nesse sábado (01), o Atlético Mineiro voltou a somar pontos na tabela do Brasileirão

Após três meses completos sem vitórias como mandante, o Atlético Mineiro voltou a vencer no Mineirão e dessa vez foi pelo Brasileirão 2022, diante o Fluminense, pela 29º rodada. Com o placar de 2×0, o Galo assegurou sua colocação no campeonato e sonha ainda com a vaga no G4.

Porém, diante essa reta final alvinegra, o Galo segue uma dura missão, que é a de chegar aos R$ 53 milhões brutos com vendas de ingressos e bilheteira, e faltam apenas quatro jogos em casa nesse brasileirão.

A meta está distante e dificilmente será batida. Mas o Atlético rompeu a barreira dos R$ 40 milhões brutos de bilheteria nos jogos em casa na temporada. Contra o Fluminense, público de apenas 21 mil, com renda de R$ 650 mil. A arrecadação bruta do Galo é de exatos R$ 40.394.184,98, levando em consideração a final de jogo único do Campeonato Mineiro.

No orçamento de 2022, a previsão é de arrecadar R$ 53 milhões brutos. Portanto, faltam pouco menos de R$ 13 milhões, restando quatro jogos em casa. Seria preciso uma média de R$ 3,25 milhões por jogo. Como parâmetro, a segunda maior arrecadação bruta do Galo no ano foi de R$ 3.291.413,50, diante do Emelec, com mais de 50 mil torcedores.

Bilheteria do Atlético em 2022:

  1. Renda bruta: R$ 40.394.184,98
  2. Renda líquida: R$ 20.492.196,24

Foto de Pedro Souza / Atlético

Saiba mais sobre o veículo