Atlético-MG bate o Athletico e fica a apenas um ponto do líder Palmeiras

Logo: Jogada10

Jogada10

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fjogada10.com.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F08%2FAtletico-MG-x-Athletico-34.jpg&q=25&w=1080

O Atlético-MG reduziu para apenas um ponto a distância para o líder Palmeiras no Brasileirão. Neste domingo (1), o Galo derrotou por 2 a 0 o Athletico, no Mineirão (MG), pela 14ª rodada e chegou aos 31 pontos. Já o Furacão é o sexto, com 23. Vargas e Neto marcaram os gols alvinegros, após entrar durante o segundo tempo, com alterações precisas do técnico Cuca, que não contou com o atacante Hulk, que ficou fora do jogo por causa de uma conjuntivite.

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/resize?fit=max&h=720&image=https%3A%2F%2Fjogada10.com.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F08%2FAtletico-MG-x-Athletico-11.jpg&q=25&w=1080

Tchê Tchê com a bola marcado por Carlos Eduardo – Pedro Souza / Atlético Mineiro

O jogo

O Atlético-MG dominou completamente o jogo desde o início. Porém, a superioridade tática não se refletiu em chances claras de gol. O argentino Nacho Fernández, sem o companheiro super-herói, centralizou o comando do meio de campo e foi o mais perigoso, em dois bons chutes para fora. O lance de maior perigo para os mineiros aconteceu aos 33, quando o volante Richard quase marcou contra. O técnico Cuca optou por Sasha para a vaga de Hulk, mas ele não conseguia ter um bom rendimento.

Segundo tempo

Com o dedo do treinador Cuca, o Galo construiu a vitória com duas alterações feitas no interbavalo. Aos 12 minutos, Nacho foi derrubado por Richard dentro da área. Pênalti confirmado pelo VAR e convertido por Vargas.  O chileno aproveitou as boas vibrações do primeiro gol para, aos 23 minutos, acertar cruzamento perfeito para a conclusão de primeira de Neto. Vargas só não teve uma atuação brilhante, pois acertou uma cotovelada em Pedro Henrique, aos 44 minutos, e recebeu o cartão vermelho.

ATLÉTICO-MG 2 x 0 ATHLETICO-PR

Campeonato Brasileiro – 14ª rodada Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG)

Atlético-MG: Everson, Mariano, Nathan Silva, Junior Alonso e Dodô (Calebe, aos 33/2t); Allan (Hyoran, aos 41/2t), Tchê Tchê (Vargas, a 0/2t), Zaracho (Neto, aos 17/2t) e Nacho Fernández; Sasha (Réver, aos 33/2t) e Savarino. Técnico: Cuca. Athletico-PR: Bento, Khellven (Marcinho, aos 17/2t), Pedro Henrique, Thiago Heleno e Nicolas; Richard (Erick, aos 32/2t), Léo Cittadini, Fernando Canesin (Christian, a 0/2t) e Jadson (Terans, aos 17/2t); Carlos Eduardo (Jaderson, aos 25/2t) e Renato Kayzer. Técnico: Antônio Oliveira.

Gols: Vargas (1-0, aos 14/2t), Neto (2-0, aos 23/2t)

Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC). Auxiliares: Henrique Neu Ribeiro (SC) e Alex dos Santos (SC) VAR: Jean Pierre Goncalves Lima (SC)

Cartões amarelos: Neto, Vargas (ATL) e Thiago Heleno, Christian, Erick (ATH) Cartão vermelho: Vargas (ATL)

Saiba mais sobre o veículo