Atlético-GO bate Chapecoense e não corre mais risco de rebaixamento | OneFootball

Atlético-GO bate Chapecoense e não corre mais risco de rebaixamento

Logo: Jogada10

Jogada10

Com direito a emoção e gol no fim, o Atlético-GO venceu a Chapecoense por 1 a 0 na Arena Condá, na noite desta sexta-feira (3) e acabou com o risco de rebaixamento nesta reta final de Campeonato Brasileiro. Arthur Henrique foi o responsável pelo gol do triunfo do Dragão nesta 36ª rodada do Brasileirão.

Jogadores de Chapecoense e Atlético-GO em disputa de bola na Arena Condá – Márcio Cunha | ACF

Com o resultado, o Atlético-GO chegou aos 47 pontos e além de garantir a permanência na elite do futebol brasileiro, segue com chances de classificação para a Libertadores.. Já a Chapecoense, rebaixada à Série B, segue sem vitória em casa nesta edição do Brasileiro e conta com a pior campanha da história dos pontos corridos, com apenas 15 pontos nas 36 rodadas até o momento.

A pior campanha foi do América-RN, quando somou apenas 17 pontos durante toda a competição em 2017. A Chape precisa vencer pelo menos uma das duas últimas partidas restantes para não amargar esta marca negativa.

Primeiro tempo

As equipes fizeram uma partida muito equilibrada nos primeiros 45 minutos, embora o Atlético-GO estivesse mais próximo de balançar a rede. Entretanto, a Chapecoense cresceu nos minutos finais e assumiu o controle do jogo, mas pecou no momento das finalizações.

Segundo tempo

Com mudanças, as equipes saíram mais para o jogo e além de criarem mais oportunidades, deixaram espaços para contra-ataques. Contudo, assim como no primeiro tempo, a partida esteve bem equilibrada, com ambas equipes alternando no domínio do jogo. Quando o placar zerado parecia prevalecer até o apito final, Arthur Henrique teve sorte ao tentar cruzar uma bola que foi parar no fundo da rede para sacramentar a vitória do Dragão aos 42 minutos.

CHAPECOENSE 0 X 1 ATLÉTICO-GO – 36ª rodada

Data e horário: 3/12/2021. Local: Arena Condá, em Chapecó (SC) Chapecoense: João Paulo, Ezequiel, Ignacio, Joilson e Busanello; Moisés Ribeiro, Ronei e Lima (Geuvâni, aos 36′ do 2t); Mike (Marquinho, aos 29′ do 2t), Bruno Silva (Rodrigo Silva, aos 22′ do 2t) e Henrique Almeida (Perotti, aos 21′ do 2t). Técnico: Felipe Endres (interino). Atlético-GO: Fernando Miguel; Dudu, Éder, Oliveira e Arthur Henrique; Marlon Freitas (Arnaldo, aos 46′ do 2t), Willian Maranhão e Rickson (Matheus Barbosa, aos 26′ do 2t); Ronald (Lucão, no intervalo), Zé Roberto (Toró, aos 26′ do 2t) e Janderson (Werley, aos 44′ do 2t). Técnico: Marcelo Cabo. Gol: Arthur Henrique, aos 42′ do 2t (0-1). Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN) Auxiliares: Jean Marcio dos Santos e Lorival Candido das Flores (RN) VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN) Cartões amarelos: Arthur Henrique e Éder (ACG)

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo