Arsenal disputou amistoso contra o Chelsea no Emirates e, além da derrota, viu Partey sair lesionado

Logo: Trivela

Trivela

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fi2.wp.com%2Ftrivela.com.br%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F08%2Fchelsea.png%3Ffit%3D954%252C529%26ssl%3D1&q=25&w=1080

O Estádio Emirates recebeu um duelo de peso neste domingo, ainda mais considerando o nível dos adversários que geralmente se enfrentam nos amistosos de pré-temporada. O Arsenal encarou o Chelsea diante de 20 mil torcedores e, bem, não terminou a tarde tão satisfeito. A derrota por 2 a 1 para os Blues é o de menos, dentro de uma partida com chances de gol para os dois lados e muita ofensividade. Problema maior foi a lesão sofrida por Thomas Partey ainda no primeiro tempo, quando precisou ser substituído. O meio-campista passará por exames, que avaliarão a gravidade da contusão.

Atual campeão europeu, o Chelsea não perdoou os erros defensivos do Arsenal durante a partida em Londres. Kai Havertz abriu o placar durante o primeiro tempo, num contra-ataque, e as duas equipes acertaram a trave. Na segunda etapa, Granit Xhaka conseguiu empatar ao Arsenal, mas Tammy Abraham confirmou o triunfo dos Blues. O tento surgiu a partir de um passe errado de Héctor Bellerín, que mandou a bola nos pés do centroavante. Os Gunners deveriam ainda ter saído com o empate final, num chute de Joe Willock que bateu no travessão e depois no chão, já depois da linha. Sem a tecnologia para auxiliar, a arbitragem não validou o tento.

O jogo marcou a estreia dos novos contratados pelo Arsenal, inclusive do zagueiro Ben White. Após chegar do Brighton na última sexta-feira, o novato saiu do banco durante o segundo tempo. De qualquer maneira, a preocupação fica sobre a contusão sofrida por Thomas Partey. O volante sentiu o tornozelo após uma entrada de Ruben Loftus-Cheek e pediu para sair. Passará por exames, que nas próximas horas determinarão o tempo de recuperação.

O técnico Mikel Arteta não indicou muito otimismo sobre Partey na entrevista posterior ao jogo: “No momento, não parece ser bom, porque ele estava com dor e não conseguiu continuar – o que, para Thomas, é bastante incomum”. Outro jogador a ser comentado por Arteta foi Xhaka. O treinador confirmou que o meio-campista permanecerá no clube, apesar dos rumores de que poderia ser negociado.

Na próxima semana, Arsenal e Chelsea ainda disputarão amistosos contra o Tottenham. A temporada começará aos Gunners em 13 de agosto, quando estrearão na Premier League contra o Brentford. Já o Chelsea disputará a Supercopa Europeia contra o Villarreal em 11 de agosto, antes de pegar o Crystal Palace três dias depois pela Premier League.

Mencionados neste artigo
Saiba mais sobre o veículo