Aniversariante do dia, Isa destaca ‘presentão’ ao ser convocada pela primeira vez para a Seleção Feminina Sub-20 | OneFootball

Aniversariante do dia, Isa destaca ‘presentão’ ao ser convocada pela primeira vez para a Seleção Feminina Sub-20

Logo: CBF

CBF

O mês de outubro tem sido uma verdadeira montanha-russa de emoções para Isabelle Caroline. No dia 6, a jovem descobriu que havia sido convocada pela primeira vez para a Seleção Feminina Sub-20. Quatro dias depois, Isa marcou dois gols na final do Campeonato Brasileiro Feminino Sub-18 - torneio do qual foi campeã e artilheira pelo São Paulo. Depois de todos esses presentes adiantados, a atacante ainda pôde completar, nessa terça-feira (19), 18 anos de idade ao lado de suas companheiras de Canarinho, direto de Assunção, no Paraguai, onde a delegação brasileira se prepara para os dois jogos preparatórios diante das anfitriãs.

A bola rola para Brasil e Paraguai no dia 22, às 18h, e no dia 25, às 15h30 (horário de Brasília). Ambos confrontos serão disputados no Estádio Los Defensores del Chaco, em Assunção (PAR). Em entrevista ao site da CBF, Isa compartilhou a sensação de figurar pela primeira vez na categoria, assim como a emoção de passar o aniversário fora do país.

“Fiquei surpresa, me pegou de surpresa de verdade. Mas não tinha dúvidas que um dia chegaria, teria essa oportunidade. Acho que todo mundo sabe quando está bem na carreira ou não está. Vim de uma campanha no Campeonato Brasileiro Sub-18 muito boa, não posso negar. Todo mundo sonha em estar na lista, da Sub-17, Sub-20, da Principal, sonha em estar entre as melhores”, destacou, antes de narrar sua reação à notícia.

“Estava no treino, peguei meu celular e tinha um monte de mensagens. Todo mundo me parabenizando. Aí só depois que eu fui ver que a Rosangela (supervisora) tinha mandado mensagem, que já tinham postado a lista de convocadas, foi ali que vi meu nome. Fiquei muito feliz mesmo, só tenho a agradecer por tudo isso, em ter passado meu aniversário aqui, só gratidão”, completou Isa.

Passar o aniversário longe de casa não é novidade para Isa. Com passagens também pela Seleção Feminina Sub-17, a atacante já vivenciou a experiência de soprar as velinhas afastada dos amigos e dos familiares. De acordo com a própria, a sensação é de um misto de privilégio e abdicação que prometem render bons frutos no futuro.

“Aqui é tudo bem corrido, fiquei surpresa de como é o dia a dia, a gente consegue desenvolver e aprender muita coisa. Não vou falar que fiquei completamente surpresa porque já é a segunda vez que passo meu aniversário aqui (Seleção), a última vez foi na Sub-17. Mesmo sendo um ciclo diferente, são quase as mesmas pessoas, só mudou mesmo algumas meninas, a comissão. Mas fico muito feliz, é um presentão poder passar essa data aqui. Mesmo longe da família, eles entendem, porque é um sonho que estou lutando e sei que vai valer a pena”, relembrou.

Seleção Feminina Sub-20 inicia preparação para os dois jogos diante do Paraguai Créditos: Rudy Lezcar/CBF

CAMPEONATO BRASILEIRO FEMININO SUB-18

Se hoje Isa conquistou pela primeira vez o direito de defender a Sub-20, boa parte dessa façanha se deve ao desempenho da jovem na campanha do título do São Paulo no Brasileiro Feminino Sub-18. Artilheira da competição com oito gols marcados, a atacante ainda anotou os dois tentos do triunfo na final diante do Corinthians. Com a decisão ainda fresca na memória, a jovem admitiu estar vivendo um momento mágico.

“Feliz demais. O gostinho de ser campeã e fazer gol na final é inesquecível. Tudo que vivi nesses últimos dias é fruto de muito trabalho. Estou colhendo tudo que plantei lá atrás. Minhas companheiras também me ajudaram, a união do São Paulo ao entrar nessa competição foi absurda. A gente queria ganhar e cada jogo era uma final. Cada gol era uma explosão de sentimentos. Não tenho nem explicação para o que estou vivendo”, concluiu.

Final do Campeonato Brasileiro Feminino Sub-18: São Paulo x Corinthians Créditos: Thais Magalhães/CBF

Saiba mais sobre o veículo