Ancelotti: "A nota da temporada é muito alta" | OneFootball

Ancelotti: "A nota da temporada é muito alta"

Logo: Real Madrid Official

Real Madrid Official

Depois do empate diante do Bétis no Santiago Bernabéu, Carlo Ancelotti compareceu numa conferência de imprensa telemática para analisar o último jogo da Liga: “A nota é muito alta porque foi uma temporada onde começamos bem e terminamos melhor. Tivemos continuidade. Por vezes jogamos muito bem e outras menos bem, mas a equipa sempre teve compromisso. Há que destacar as individualidades de Courtois, Karim, Vinicius e do resto do plantel. O trabalho colectivo foi bom e dos jogadores que jogaram menos também”.

“O ambiente foi espectacular e agradeço aos jogadores por respeitarem as minhas decisões. Eles nunca baixaram os braços se não jogavam e colocquei no banco jogadores com quatro Champions. O ambiente em Valdebebas marcou a diferença esta temporada”. Alaba “Alaba vai estar para jogar a final. Não precisavamos de correr riscos hoje. Volta a trabalhar na segunda-feira com a equipa e vai jogar a 100%. É verdade que está há algum tempo sem jogar, mas neste tipo de jogos não é só vital o aspecto físico. Também o é a habilidade e a experiência. Davide (Ancelotti) não estava hoje porque se encontrava a fazer o curso da UEFA Pro em Gales e tinha que lá ir dois dias, mas regressa no domingo”.   Marcelo “Ainda não se despediu porque continua a ser o nosso capitão e também o será na final. Se se despede, irá fazê-lo um dos grandes do futebol mundial e um dos melhores laterais do mundo”.   Rodrygo “É um jogador importante. Quando entrou em campo marcou a diferença muitas vezes. Sendo titular também jogou bem. É uma decisão que tenho que tomar nos próximas dias oficialmente. Mas eu já a tenho clara”.

Isco “Comentei com Isco antes. Estreou-se no meu primeiro jogo com o Madrid e marcou um golo de cabeça. Termina com o Real Madrid uma carreira fantástica. Podia ter feito mais, sim. Mas foi uma peça importante nesta equipa durante os últimos anos. Disputou jogos importantes e finais. Sempre competiu e demonstrou a sua qualidade. Desejo-lhe o melhor”.

Bale “Não estava no banco porque não podia estar. Ele queria despedir-se deste estádio e destes adeptos. Tem uma última possibilidade porque estará para a final”.

Mencionados neste artigo