Além de Kenedy e Thiago Mendes: outros alvos de dupla de dirigentes do Flamengo em viagem à Europa

Logo: Mundo Rubro Negro

Mundo Rubro Negro

Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/crop/face?h=810&image=https%3A%2F%2Fmundorubronegro.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2020%2F10%2FMarcos-Braz-e-Bruno-Spindel-durante-coletiva-no-Ninho-do-Urubu-681x362-2.png&q=25&w=1080
Imagem do artigo: https://image-service.onefootball.com/resize?fit=max&h=180&image=https%3A%2F%2Fmundorubronegro.com%2Fwp-content%2Fuploads%2F2021%2F06%2FBASE-BANNER-TINOCO.jpg&q=25&w=1080

Marcos Braz e Bruno Spindel, dupla de dirigentes do Flamengo, partiram para a Europa em busca de novas contratações que correspondam com a atual forma de negociação do clube.

Devido aos prejuízos causados pela pandemia, o rubro-negro não pretende gastar dinheiro com compras e está atento e paciente com o mercado. Assim sendo, ideia é conseguir reforços por empréstimo ou uma transferência sem custos.

Dois nomes fortíssimos nos bastidores são os principais alvos da viagem. Kenedy, do Chelsea, e Thiago Mendes, do Lyon, negociam há um tempo com o clube e exemplifica a mentalidade paciente do Flamengo.

Os dois jogadores têm acertos verbais com o rubro-negro, mas restam os times se acordarem. O Chelsea ainda não deixou claro o que quer como compensação. O ideal para os Blues seria a venda, algo que está descartado para o Flamengo.

Já o Lyon tem feito exigências mais complicadas. O Flamengo teria sinalizado com uma oferta de empréstimo + cláusula de opção de compra próxima dos 7 milhões de euros. Contudo, a equipe francesa pede um valor perto dos 10 milhões de euros e cláusula de obrigação de compra em caso de metas batidas. Essas metas estão sendo negociadas.

Outros possíveis alvos do Flamengo

Recentemente Marcos Braz afirmou estar negociando com um nome que a imprensa ainda não descobriu. Apesar de não haver qualquer indício, sabe-se, no entanto, que os dirigentes avaliam e podem contratar além dos dois nomes já citados.

Foi ventilado o nome do meia Gastón Ramirez, ex-Sampdoria e atualmente sem clube. O jogador seria, em tese, reserva de Arrascaeta. No entanto, o jornalista Venê Casagrande revelou que uma pessoa de dentro do Flamengo afirmou não ter interesse e não negociar com o atleta no momento. Segundo o mesmo, o atleta já foi oferecido “500 vezes ao clube”.

Se esse nome está descartado o de outro meia ganha força. Sem espaço no PSG e com o sonho de um dia jogar pelo clube do coração, Rafinha Alcântara é uma possibilidade para a diretoria. Ainda de acordo com Venê, o nome está em uma espécie de “sub-lista” com outras possibilidades além de Kenedy e Thiago Mendes. Portanto, ao que parece, sua vinda depende do insucesso na negociação com um desses dois jogadores.

Por fim mas não menos importante, há o nome de um zagueiro para reforçar a defesa rubro-negra. Segundo publicado por Eriqui Baldin, o Flamengo monitora a situação de Ferro, promessa portuguesa para a posição.

Ferro, de 24 anos, esteve emprestado ao Valencia e aparentemente não terá muito espaço no Benfica de Jorge Jesus.

Portanto, parece que nem a mudança de treinador renovou a confiança do clube nos nomes que lá já estão, especialmente os de Bruno Viana e Léo Pereira. Vale lembrar que, recentemente, Dedé contou que recebeu ligação do Mais Querido.

A janela de transferências internacionais se abre no dia 01 de agosto e uma coisa é praticamente certa: dificilmente Braz e Spindel voltam do velho continente sem um reforço para o Flamengo na bagagem.

Precisamos do seu apoio para fazer o melhor site de jornalismo sobre o Flamengo. Clique AQUI e saiba como se tornar nosso apoiador!

Mencionados neste artigo
Saiba mais sobre o veículo