Adson Batista fala sobre desafios da janela de transferências do Atlético-GO: “São processos desgastantes” | OneFootball

Adson Batista fala sobre desafios da janela de transferências do Atlético-GO: “São processos desgastantes”

Logo: Esporte News Mundo

Esporte News Mundo

Com a janela de transferências do meio do ano do futebol brasileiro se aproximando, os clubes começam a se movimentar para se reforçar. Para o Atlético-GO, as contratações chegarão em breve, mas a preocupação maior é em perder jogadores.

No desembarque da equipe em Goiânia, voltando do Paraguai, onde enfrentou o Olimpia, o presidente Adson Batista falou sobre a dificuldade de segurar jogadores presentes no elenco hoje.

  1. Eu não quero que ninguém saia do Atlético-GO, mas eu estou com muitas dificuldades porque são processos bem desgastantes. Alguns atletas enxergam as coisas da maneira que não pode ser, pensam somente em suas carreiras. O Atlético-GO é um clube que exige gratidão e lealdade porque cumpre com tudo que combina e trata todos os jogadores com o maior respeito e responsabilidade.

O Dragão já está acertado com o zagueiro Camutanga e os atacantes Kelvin e João Peglow. Além disso, o centroavante Ricardinho, do Grêmio, pode ir ao clube por empréstimo.

  1. Estou buscando reforçar (o elenco) até porque centroavante nós temos só um (Churín), que às vezes é criticado, mas é um jogador importantíssimo. Ele tem uma característica importante. Mas o que a gente espera é buscar jogadores para dar mais opção para o nosso treinador.

O Atlético-GO volta a campo no domingo (3), para enfrentar o São Paulo, no Estádio Antônio Accioly, pela décima quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo