A única chance de não cair, a conversa com o Corinthians, o jogador constrangido e a redução na folha pra 2022 | OneFootball

A única chance de não cair, a conversa com o Corinthians, o jogador constrangido e a redução na folha pra 2022

Logo: JB Filho Repórter

JB Filho Repórter

Resumo da entrevista do presidente Romildo na chegada em São Paulo:

  • A realidade é que a situação é muito delicada. Só interessa a vitória. Não tem outro resultado. Empate tira da parada. O cenário ideal é vencer. Sabe que, mesmo se vencer, ainda vai depender de outros resultados.
  • Não tem essa história de rebaixamento 14 anos atrás, não foi o que aconteceu, do Grêmio rebaixar. Isso é muito mais uma falácia.
  • Conversou com o presidente do Corinthians, os dois clubes tem relações excepcionais. Enquanto as coisas ficarem entre torcidas, tá tudo dentro dos limites. É festa de torcida. O que não pode é um clube cornetar o outro.
  • Não é verdade que os jogadores estão omissos. Eles estão muito parceiros. Quando acontecem coisas tipo a do Douglas Costa, eles ficam tão constrangidos que pedem pra viajar, pra estar junto.
  • O Grêmio teve um prejuízo enorme neste Brasileirão. Contou que recebeu até um dossiê de erros da arbitragem. E citou o pênalti não marcado agora contra o São Paulo. Depois, o pênalti em cima do Elias. Lembrou até do pênalti reclamado no Gre-Nal, que a CBF respondeu como “inconclusivo”.
  • Em qualquer cenário, o orçamento para o próximo ano vai sofrer muitas mudanças. Deixou claro que terão que reduzir despesas, reorganizar o elenco e tudo mais. Ficou claro que o time vai ser muito mais barato que o atual.
Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo