1916, o Paulista que não teve fim – 105 anos do segundo título estadual do Corinthians | OneFootball

1916, o Paulista que não teve fim – 105 anos do segundo título estadual do Corinthians

Logo: Central do Timão

Central do Timão

  1. Por Nágela Gaia / Redação da Central do Timão

No dia 03 de dezembro de 1916, o Corinthians venceu o Americano por 3 x 0 no Parque Antártica, e se sagrou campeão Paulista pela segunda vez.

Eram tempos difíceis”, diz o site do Museu do Futebol, no capítulo em que fala sobre os primeiros campeonatos Paulista. O futebol estava dividido entre a LPF e a APEA que não se entendiam. Nessa confusão, o Corinthians deixou a Liga para ingressar na APEA e como consequência, acabou não participando do campeonato de 1915.

Ao voltar para a Liga, antes de ser reintegrado, ainda teve que realizar uma partida eliminatória. Esse jogo já mostrou que seria o Corinthians naquele campeonato: 8 x 0 sobre o Antarctica. Por fim, a LPF foi encerrada em 1916 e o Corinthians, que era o líder do campeonato, foi declarado o campeão daquele ano com nove vitórias em nove jogos, sendo que um foi o eliminatório e outro foi anulado.

A taça de 1914 e 1916, no Memorial do Corinthians. (Foto: Memorial do Corinthians)

Aquele time, com todas as dificuldades, talvez tenha iniciado a célebre frase “contra tudo e contra todos”, chegou a incrível marca de três anos sem derrotas, o que colocou o Corinthians como um dos grandes do futebol paulista e o fez ser aceito para disputar o campeonato junto com a elite.

O clássico daquela campanha foi contra o Americano, que levou mais de três mil pessoas ao Parque Antarctica e foi filmado para a exibição dos melhores lances nos cinemas da época.

Com a equipe comandada por Amílcar Barbuy, o Timão foi a campo com Pizzocaro, Fúlvio, Casemiro González, Police, César Nunes, Plínio, Américo, Apparício, Amílcar, Neco e Apparício. O Corinthians venceu todos os nove jogos que realizou e marcou, ao todo, 31 gols e sofreu apenas três na campanha vitoriosa.

Aparício, o artilheiro de 1916, jogou no Corinthians por quatro anos (Foto: Reprodução internet)

O artilheiro do campeonato foi José Aparício Delgado, o Aparício, com 8 gols. O meia fez parte do time corintiano tanto na conquista do título paulista de 1914 quanto no de 1916. Defendeu o clube entre 1914 e 1918 e fez 65 jogos pelo clube com 45 vitórias, 8 empates, 12 derrotas e 28 gols marcados. Aparício faleceu em São Paulo em 09 de setembro de 1943.

Mencionados neste artigo

Saiba mais sobre o veículo